Hamilton considera “egoísta” não respeitar as recomendações sanitárias

Federação Internacional de Atletismo pede o adiamento dos Jogos de Tóquio
24 de março de 2020
BNDES anuncia pacote de R$ 55 bilhões para proteção de empregos
24 de março de 2020

Hamilton considera “egoísta” não respeitar as recomendações sanitárias

Hamilton é hexacampeão da Fórmula 1 (Foto: Reprodução/ Twitter)

24 de março 2020

O piloto Lewis Hamilton, hexacampeão do mundo de Fórmula 1, denunciou nesta segunda-feira os comportamentos sociais “irresponsáveis e egoístas” das pessoas que não respeitam as recomendações sanitárias para conter a pandemia do coronavírus.

Em mensagem em sua conta oficial Instagram, o britânico compartilhou sua “tristeza” pelo “número de mortes no mundo”.

“Não há nada que possamos fazer, a não ser nos isolar para evitar contrair o vírus e propagá-lo”,

disse.

“Ainda há gente que sai e vai a bares, boates e grandes aglomerações, o que acredito ser totalmente irresponsável e egoísta”, denunciou.

Hamilton, de 35 anos, foi um dos poucos pilotos a lamentar publicamente a decisão dos dirigentes da Fórmula 1 de tentar disputar o Grande Prêmio da Austrália, em 15 de março. O GP acabou sendo cancelado horas antes do início dos treinos.