Guaidó contrata ”mercenários” para sequestrar Maduro
FESTURIS Gramado 2020

Governo publica MP que garante R$ 5 bilhões ao Turismo, via Fungetur

Marcelo Álvaro, Ministro do Turismo - Foto: Roberto Castro/Mtur

08 de maio 2020

Os R$ 5 bilhões do fundo garantidor para as empresas de Turismo, prometidos há cerca de duas semanas pelo ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, foram aprovados hoje pelo governo federal, via MP 963 assinada pelo presidente Jair Bolsonaro.

Trata-se de um crédito extraordinário para atender as empresas do setor de Viagens e Turismo, 100% sob supervisão do Fundo Geral de Turismo, o Fungetur. Era a grande reivindicação de entidades de todo o Turismo, que mostravam ao ministério que o fôlego financeiro das empresas de Turismo estava se encerrando.

Chamada de A Hora do Turismo, a MP é uma conquista do setor, especialmente negociada pelo ministro Marcelo Álvaro, com empenho de seu time, como o secretário executivo Daniel Nepomuceno. A presidente da Abav, Magda Nassar, comemorou e disse que a MP é um passo importante que completa as medidas do governo para preparar o Turismo para a retomada.

Esta semana, entidades do setor, como Resorts Brasil, Unedestinos, ABIH, Fohb, FBHA, Sindepat, BLTA e Adibra, publicaram pesquisa mostrando que 79% dos associados tinha fôlego financeiro para apenas mais dois meses. A presidente da Resorts Brasil, Ana Biselli, reforçava a importância dessa medida, que saiu hoje.

DIA DO TURISMO
O anúncio foi feito pelo ministro no Dia Nacional do Turismo (hoje, 8 de maio). Ele prometeu todos os detalhes em breve, mas a liberação deve ser via Caixa. Um outra medida, via BNDES, está sendo negociada para o setor aéreo.

A MP 963 atende a todos os cadastrados no Cadastur, o cadastro único do MTur. “Essa é a maior liberação de recursos da história para o Turismo, o que mostra o compromisso do governo federal, especialmente do presidente Jair Bolsonaro, com nosso setor”, disse o ministro.

O objetivo é garantir a saúde financeira das empresas, e os empregos de milhões de trabalhadores dessa indústria.

“Desde os micro empreendedores, o guia de Turismo e os donos de resorts. Esse fundo garantidor é um grande avanço. Seguimos na luta pelo Turismo, respeitando todos dessa cadeia e também o consumidor. Tenho certeza que juntos vamos garantir que o Turismo estará pronto para se reerguer quando a pandemia passar. Agora é trabalhar pela retomada.

Fonte: Panrotas

https://www.panrotas.com.br/