Tradição em Família na Pizzaria Paulino
Investir em quem precisa é a chave para mudança e combate à desigualdade social

Festuris Connection discute retomada do turismo, hospitalidade e criatividade no primeiro dia do evento

05 de agosto 2020

Em seu primeiro dia, o Festuris Connection promoveu na terça-feira (4) grandes debates sobre a retomada do turismo, a nova hospitalidade, a importância da cooperação e do marketing para o setor no pós-pandemia. A conexão entre Brasil e Portugal reuniu grandes nomes do setor público, empresarial e especialistas dos dois países. 

Na abertura, os CEOs do Festuris Eduardo Zorzanello e Marta Rossi – apresentadores do evento online – receberam o Prefeito de Gramado, Fedoca Bertolucci para as boas-vindas aos participantes. Antes disso os inscritos fizeram um tour pelo belíssimo Castelo Saint Andrews, espaço que está sediando os estúdios do Festuris Connection. 

O painel de abertura foi ministrado pelo Diretor da Organização Mundial do Turismo (OMT) para a América Latina, Alejandro Varella, que apresentou uma análise do impacto da pandemia no cenário turístico. No primeiro quadrimestre deste ano, a atividade turística teve uma queda de 44% em todo o mundo – situação que acaba se agravando conforme aumenta o período de restrições.

Segundo Varella, a OMT está colocando a saúde pública como prioridade e aponta que o turismo interno será um dos primeiros estágios para a retomada. “Como a maioria dos destinos, estamos tentando trabalhar no tema das restrições e podem contar conosco para o que precisarem. O turismo interno é nossa fortaleza e é o que vai nos servir para sair desta etapa difícil”, destacou.

Políticas públicas para a retomada do turismo

Neste painel, o evento contou com as palestras do Presidente do Turismo de Portugal, Luís Araújo e do Secretário Nacional de Desenvolvimento e Competitividade do Turismo, William França, que esteve representando o Ministério do Turismo do Brasil. Na ocasião, Araújo falou sobre o trabalho português para se tornar o melhor destino do mundo e como o país está agindo para a reabertura do turismo.

William França trouxe o assunto para o cenário brasileiro e apresentou as medidas que vêm sendo adotadas pelo MTur. Ele destacou a importância de fortalecer o turismo doméstico, especialmente através do incentivo ao transporte rodoviário. Também citou o trabalho realizado em conjunto à Embratur para a promoção do turismo regional, fazendo com que o brasileiro conheça o Brasil. França complementou enfatizando as MPs criadas em benefício ao setor e o Selo Turismo Responsável.

A cultura da cooperação para recuperação dos destinos

Enquanto entidade preocupada com o desenvolvimento, a Sicredi Pioneira levou ao Festuris Connection um painel para mostrar a importância da cultura da cooperação para a recuperação do turismo. Diretor executivo da Sicredi, Solon Stapassola Stahl destacou a necessidade de um mindset de colaboração para reinventar o ecossistema do turismo.

“A cada crise que passa – e não é a última – o que precisamos é estar mais fortes. A competição é saudável quando acontece na competição. Cooperar competindo é necessário, e um exemplo disso são os roteiros turísticos”, disse Solon.

Hospitalidade, turismo doméstico e o novo bem receber

Neste painel moderado pelo Diretor da Rede Dall’Onder de Hotéis, Tarcísio Michelon, os palestrantes discutiram como a hospitalidade o turismo doméstico devem se apresentar no pós-pandemia. Grandes ícones do turismo e da hotelaria participaram do bate-papo e trouxeram importantes contribuições. 

Diretor do Grupo Casa Hotéis, Luciano Peccin, que também é idealizador do Natal Luz, destacou a importância da criatividade e da personalização dos serviços. “Não é só a beleza, precisamos de algo mais, aperfeiçoar o carinho e a atenção. Atenda melhor, receba melhor e sorria pelos olhos – isso precisa ser visto”, disse.

Fundador do Grupo CVC e da Rede GJP, Guilherme Paulus disse que os protocolos de segurança aqui são superiores aos da Europa, o que favorece na recepção de visitantes. “Nosso papel é dar garantia ao turista com toda qualidade e protocolos, cuidando do cliente e dos colaboradores. O consumidor precisa sentir confiança”, ressaltou.

O economista Márcio Favilla foi outro a participar do painel, trazendo dados e uma visão de cenário para o turismo doméstico. “É uma grande oportunidade para que o turismo doméstico possa se revelar e surpreender muitos brasileiros que não tinham mais o costume de viajar pelo país”, disse.

Estratégias de Place Branding e marketing para o turismo

No último painel do primeiro dia do Festuris Connection, tivemos exemplos de estratégias que dão certo no fortalecimento de duas marcas importantes do turismo mundial: Portugal e Gramado. A pandemia acelerou o processo de transformações e digitalização do mundo, o que também se estende ao turismo que precisou se reinventar rapidamente.

Para o diretor do turismo de Portugal, Bernardo Cardoso, o trabalho estratégico e com propósito pode qualquer destino vencedor. “Quisemos sair da caixa. Um país não deve apenas vender produtos – deve melhorar a vida das pessoas e ter um propósito. O propósito de Portugal é tratar bem as pessoas. Saímos do offline para o online e passamos da propaganda para as histórias e do foco do produto para as pessoas”, resumiu Bernardo.

Por fim, o presidente da Gramadotur, Rafael Carniel destacou a trabalho amparado em dados realizado pelo destino Gramado – inclusive citando o sistema “Smart Tracking” desenvolvido para levar mais segurança aos turistas.  Ele também afirmou a importância de ações de branding. “A marca de um lugar não é uma ação governamental – é uma ação de longo prazo, um plano de estado, um plano de pessoas”, completou.

Evento continua nesta quarta-feira: confira a programação!

15h00 | Perspectiva para a retomada do turismo no Mercosul

Germán Cardoso – Ministro do Turismo do Uruguai (gravado)

Alexandre Gehlen – Presidente do Fórum de Operadores Hoteleiros do Brasil (FOHB) e Diretor Geral da Rede Intercity de Hotéis (presencial)

Amanda Bonotto Paim – Coordenadora de Turismo do Sebrae/RS (presencial)

Rafael Carniel – Presidente da Gramadotur (presencial – Moderador)

16h20 | Espaço do Patrocinador

16h30 | Turismo rodoviário doméstico, internacional e em regiões de fronteira

Claiton Armelin – Diretor Nacional de Produtos Terrestres da CVC Corp (online)

Carlos Pera – Presidente da Associação Uruguaia de Agentes de Viagens/AUDAVI (online)

José Pedro Teixeira – Diretor de Operações do Grupo JMT/Planalto Transportes (presencial – Moderador)

17h30 | Turismo regional como oportunidade para a recuperação dos destinos

Rodrigo Lorenzoni – Secretário de Des. Econômico e Turismo do RGS (presencial)

João Jacob Mehl – Presidente da Paraná Turismo (online)

Leandro Mane Ferrari – Presidente da Agência de Des. do Turismo de Santa Catarina (Santur) (online)

Rodrigo Ferri Parisotto – Secretário de Turismo de Bento Gonçalves (presencial – Moderador)

www.rossiezorzanello.com.br