Trump anuncia fim das relações entre os EUA e a OMS
Mortalidade materna diminui em todo o Distrito Federal

Dois Multi – Artistas

Os artistas Alvaro Neto e Lowry Landi - Foto Divulgação

29 de maio 2020

Você sabe o que é ser um Multi – Artista e qual a meta ser alcançada ?

(Usando estes dois como um exemplo, para os que duvidam e acham impossível).

Vejam aqueles que trabalham na cultura em todas as suas vertentes sem se preocupar em formatos, estilos ou tipos. Por isso nos tempos atuais muitas pessoas acham que não alcançam a esta meta. Você acredita que é possível ser realizado esse sonho?
Como diz nas Escrituras Sagradas Cristãs(Bíblia)”Tudo é Possível ao que crê”.
Todo artista quer ter um portfólio impecável, e ser uma diferença e chamar a atenção no mercado, principalmente nesta era digital, onde vivemos com Blogueiros, Youtubers e as mídias digitais. Ficou bem difícil conseguir por um lado e facilitou por outro para se encontrar em destaque em meio a tantas concorrências, porém facilitou a possibilidade de artistas e até mesmo não artistas, mostrarem seu trabalho como podem ou que sabem e com a tecnologia abrindo as portas, todos podem mostrar o seu talento. Quem não fica curioso e não dá aquela famosa pesquisada no “Google” ou em outra ferramenta em seus aparelhos tecnológicos, que hoje são muitos.
Se eu fosse você não duvidaria, pois você pode muito mais do que imagina! E ainda podemos contar com estas ferramentas maravilhosas que a tecnologia nos proporciona.
Analisando a estes dois  grandes Multi-Artistas, e são exemplos, de boa  vontade, e muita perseverança. Eles já trabalharam em quase todas  as linguagens possíveis do ramo das artes, e também são praticantes de Artes Marciais(Álvaro(Boxe e Muay Thai), Landi (Carate). Nos fazem lembrar da música  do grande poeta, compositor e músico” Quem Acredita Sempre Alcança”(Renato Russo).
Nunca duvide do que você pode e seja capaz de realizar as suas metas. Para ser um artista completo o ator e diretor Álvaro Neto, que iniciou sua carreira aos 8 anos de idade na Escola Parque da 210 Norte em Brasília, ele entrou neste universo artístico, subindo ao palco pela primeira vez, na hoje  chamada Sala Gê Martu auditório da própria escola, onde estudou na infância, é um exemplo para muitos, ele já trabalhou nas áreas visuais, cênicas e musicais com várias vertentes e funções. Formou-se pela Faculdade De Artes Dulcina De Moraes-FADM, ele que é diretor geral do IACAN, já trabalhou nas cênicas, com dança, teatro, cinema, tv, circo, vídeo e moda. Na música já obteve banda e é dono de vastas produções nas visuais e digitais, já participou de algumas galerias e plataformas online, este que nos dois últimos eventos ao quem participou, pode  mostrar a sua arte visual, e foi um dos selecionados entre muitos que enviaram, para a Exposição Artística e Ambiental, chamada Selva Sem Lei, na Galeria Van Gogh, localizada em Sobradinho-DF. Também pode participar de uma apresentação de dança ,Coletivo Butoh-te, sob a direção do Thiago no lançamento do vídeo clip “jogos Antiamor” e banda Morreu Polaris, no Teatro Garagem (Sesc 913 Sul).
Álvaro também é conhecido como vampiro, devido aos trabalhos  com o Teatro Gothic e campanhas de doação de sangue no Grupo Vampiros -DF na cidade onde vive.
No grupo Pueblo Cio da Arte e no IACAN, esteve em parceria com o outro Multi-Artista, seu ex-professor Lowry Landi, o Landi como é conhecido em suas charges, e fizeram vários projetos culturais na região do DF e entorno, mais uma vez na arte em todas as suas vertentes, mas com o circo fizeram nascer o  Duo de palhaços “Patrão e Patusko”, trabalhando a Mímica e Pantomima de Marcel Mansur a Commédia Dell Atre e técnicas de Picadeiro, Teatro e Dança, juntos realizaram em várias ONGS, Escolas e Instituições de Caridade, várias apresentações Landi a convite de seu grande amigo e parceiro ao qual deu aula aos 14 anos de idade, foi convidado a fazer parte de sua empresa IACAN-Instituto  de Artes e Cultura Álvaro Neto, juntamente ao Pako, também conhecido por grandes filmes em festivais do cinema até fora do Brasil.
Ambos foram chamados a participar  como coordenador local do núcleo da Asa Norte-Brasília/DF.Landi, também será contribuidor  ao IACAN núcleo Uberlândia-MG, sob a produção e coordenação de Lívia Rosa Santana, Landi que também já passou por várias experiências na cultura, como assim também o seu pupilo Álvaro Neto,começou no teatro e depois foi para a TV TUPI ,e trabalhou com o “O Pai João”, como ator, dirigido pelo diretor Fábio Sabag, e como “O Adorável Trapalhão”, na TV GLOBO, com Os Trapalhões, dirigido pelo J.B.Tanco. E também participou de “Três Especiais de Natal”, como ator e roteirista do canal da TV Band. Fez cinema “A Lua de Cristal”, de Tzuka Iamazak, com Xuxa Meneguel, com o personagem o professor sabia e outros trabalhos. E já trabalhou como cartunista e chargista nos principais jornais do Rio de Janeiro e Brasília. Com formação na Escola Martins Penna, RJ e Fundação Brasileira de Teatro (Faculdade de Artes Dulcina de Moraes), na primeira turma formada no ano 1982, em Brasília.
Ele é completo como ator, diretor de artes cênicas (teatro, tv, cinema, circo e dança), dramaturgo com dois livros publicados, artista plástico(cartunista e chargista desde do antigo Pasquim)e contribuiu no teatro como figurinista, maquiador, cenógrafo, cartazista, preparador de atores, auxiliar de direção e dramaturgo.
Para você vê nunca é tarde para realizar essa meta, eles começaram desde de cedo, e nunca desistiram de seus sonhos que muitos artistas querem almejar.

Por Lívia Rosa Santana